A importância de dizer “Sábado Abençoado”

Deus separou um dia para que, de forma mais dedicada e completa, pensássemos, refletíssemos e vivêssemos seus propósitos. O quarto mandamento tem caráter universal e atemporal, ou seja, é eterno! Uma das considerações que a Bíblia faz sobre o sábado é a seguinte: E Deus abençoou… o sétimo dia (Gn 2.1). Mas como entender que bênção existe sobre o dia do Senhor?

Uma rápida análise sobre o sentido da expressão original nos ajuda à compreensão. Em linhas gerais, o correspondente de “abençoar” da língua portuguesa é o vocábulo hebraico “barakh”, que traz o significado da pessoa abençoada e beneficiada, por alguém ou alguma coisa¹. Isso quer dizer que, quando o texto sagrado diz que o Senhor “abençoou o sábado”, está afirmando ser este o dia dado para benefício e desfrute da humanidade. A bênção é essa!

O fato de Deus ter determinado que a humanidade guardasse esse dia, que o separasse para seu serviço e o dedicasse ao descanso físico e ao ensino bíblico mostra como, de fato, o sábado foi feito por causa do homem, e não o homem, por causa do sábado (Mc 2:27). É maravilhoso ter um dia para “pisar no freio” da semana agitada e descansar nos braços do Mestre.

Quando desejamos um sábado abençoado, na oração do pôr-do-sol da sexta, em nossas redes sociais, na Escola Bíblica, no culto divino, é mais que um cumprimento e muito menos palavras mágicas: estamos, na verdade, compartilhando que fomos alcançados por esse benefício de Deus.

Portanto, abençoe os outros com a mesma bênção que Deus lhe deu. Fale para as pessoas dos benefícios do descanso sabático. Diga-lhes que descansar conforme o mandamento é uma demonstração de que adoramos o Criador e somos gratos ao Salvador. Deseje um sábado abençoado, pois são muitas as pessoas aflitas e exaustas como ovelhas que não têm pastor (Mt 9:36). Então, quando encontram o Salvador, podem descansar em seus braços e ter a bênção do seu dia.

 

Por: Andrei Sampaio Soares

Teólogo, graduando em Jornalismo, colaborador do Ministério de Comunicação Geral, diretor do Ministério de Comunicação da Convenção Norte e diácono na Igreja Adventista da Promessa do Benguí, em Belém (PA).

 

¹Bíblia Palavras-Chave Hebraico e Grego. 4 ed. Rio de Janeiro: CPAD, p. 1293. 2015.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x