Pr. Adelmilson fala sobre as novidades do Seminário Interno; Confira a entrevista

O Seminário Interno da Igreja Adventista da Promessa começa a partir do dia 13 de março e passa a funcionar no Espaço Promessa, localizado na cidade de Cosmópolis (SP). A turma 2021/2022 será composta por seminaristas de várias partes do país e do exterior. Os seminaristas passarão cerca de dois anos em formação teológica e prática.

O Presidente da Convenção Geral, Pr. Adelmilson Júlio Pereira, em entrevista ao promessistas.org, fala sobre essa nova fase do Seminário Interno.

Promessistas.org: O Seminário retoma suas atividades e trará muitas novidades: o local em que funcionará e a gestão dele, além dos cuidados diante da pandemia. Fale sobre essas novidades.

Pr. Adelmilson Júlio Pereira: “Nosso Seminário retorna num momento oportuno para a Igreja Adventista da Promessa. Ao longo da história, somos uma denominação unida, em missão e avivada. No segundo ano desta gestão (2020-2023), nosso foco é na Missão. Por isso, o Seminário Interno para a formação de pastores, missionários e missionárias retorna este ano. A Diretoria Geral está feliz por esta nova fase, pela graça de Deus.

Nosso Seminário está de casa nova. Por muitos anos, ele esteve em São Paulo, mas, com a graça da Deus, estamos levando-o para Cosmópolis (SP), no Espaço Promessa. É uma chácara da igreja, de propriedade e administração da Convenção Paulista, com a qual fizemos uma parceria, para que o sistema de educação da nossa igreja funcione totalmente nesse lugar, com alojamentos, salas de aula, sala de pesquisas, laboratório de informática e tudo de que se precisa para uma experiência acadêmica e missionária.

A igreja, por meio das casas competentes, criou a Associação de Ensino Adventista da Promessa (AECAP), nova instituição, que administra toda a parte educacional da denominação, especialmente no que se refere ao Seminário, escalará todos os professores, embora a condução desse processo seja da diretoria do Seminário.

Quanto à Covid-19, todo o povo promessista sabe que estamos lidando com a pandemia em todo o país, com todo o cuidado, obedecendo aos decretos das autoridades em todas as esferas, conduzidos por um comitê de gestão de crise. Com relação ao Seminário, que retorna, se Deus quiser, dia 13 de março, todos os seminaristas passarão por testes, para que haja segurança e ninguém precise de isolamento ao chegar ao local.”

 

Promessistas.org: Quantos são e de onde são os alunos/alunas que estarão nessa nova turma?

Pr. Adelmilson: “Em nosso Planejamento Eclesiológico, nós colocamos, como foco, o plantio de novas igrejas. A Igreja Adventista da Promessa deve chegar a seus 90 anos madura, forte e como uma instituição evangélica comprometida com o evangelho da graça, com as bases doutrinárias sólidas. Nós precisamos levar essa mensagem com contundência!

O Seminário vem nos ajudar nesse sentido também de plantação de novas igrejas, no Brasil e no exterior. No Brasil, vamos plantar cinco novas igrejas, a partir da Convenção Geral. Com isto, queremos que todas as nossas igrejas se tornem protagonistas, nas convenções regionais, na plantação de igrejas.

Temos seminaristas de várias regiões do país: Norte, Centro-Oeste, Sudeste, Nordeste, Sul. Também temos seminarista do Paraguai. É uma alegria receber nossos irmãos adventistas da promessa para estudarem com a gente. Ao todo, já temos 14 seminaristas inscritos, que viajarão para Cosmópolis, onde, se Deus permitir, iniciarão esta importante etapa para igreja, quando novos pastores, missionários e missionárias serão formados para levar o evangelho.”

(Abaixo, confira quem são os novos seminaristas da turma 2021/2022. A entrevista continua após a imagem)

Promessistas.org: No formato de ensino/prática, o que essa nova etapa do Seminário Interno terá? Qual a integração entre ele e a igreja local (em Cosmópolis)?

Pr. Adelmilson: “Os seminaristas devem ter uma atividade semanal comunitária. No que se refere à igreja local, a igreja de Cosmópolis foi a escolhida, numa parceria com a Convenção Paulista. Esta igreja será parceira da AECAP, do Seminário Adventista da Promessa; será acompanhada pela Comissão de Plantação e Revitalização de Igrejas, e os seminaristas farão sua parte.

Conduzidos pelo Pr. Aléssio Gomes, Diretor do Seminário e pastor promessista em Cosmópolis, os seminaristas ampliarão sua experiência. Nós vamos mapear todas as quadras da cidade. Queremos que eles tenham a prática na abordagem de pessoas, no estudo bíblico de casa em casa, no pequeno grupo. Nós contamos com a ajuda deles e da igreja local para alcançarmos todas as pessoas dessa cidade.

O nosso alvo não é pequeno. O nosso alvo é grande! Nós queremos alcançar para Cristo milhares de pessoas e de casas, em Cosmópolis. Também haverá atividades internas de pregação e discipulado para os seminaristas. Isso unirá o ensino teológico e missiológico interno à prática na cidade. Deus fará grandes coisas por meio desse projeto.”

 

Promessistas.org: A história cristã mostra que seminários de formação teológica têm papel importante para a igreja. De que forma o novo Seminário Interno espera colaborar com as igrejas locais?

Pr. Adelmilson: “Ao longo da história da igreja cristã, Deus tem usado esta ferramenta para abençoá-la. A bem da verdade, quando olhamos para o Novo Testamento, nós vemos que a igreja local tem a responsabilidade de formar pastores, para ampliar a obra missionária. Quem forma e envia pastores, no Novo Testamento, é a igreja local; quem suscita pastores é o Espírito Santo.

Com o passar do tempo, as igrejas concentraram a sua formação no seminário, ou seja, você tem os professores, uma estrutura mínima e os seminaristas, que ficam um tempo em estudo, em interação com a igreja local, e depois vão para o campo.

Neste aspecto particular, os seminários têm sido bênção para a formação de pastores. Alguém já disse que o seminário é o útero da igreja, ou seja, é o lugar onde pastores, missionários e missionárias são gestados. É ali que eles nascem para o pastorado, para abrir novas igrejas ou administrar igrejas.

A nossa igreja, desde a década de 50, é marcada pelo Seminário (o antigo IBAP – Instituto Bíblico Adventista da Promessa –, o Missiológico, a Fatap, o Cetap de Curitiba, o Cetap de São Paulo). Agora chegamos ao Seminário em Cosmópolis. Nós entendemos que esse Seminário é importante, pois vai formar pastores, missionários e missionárias para avançarem a obra de Deus, para que a Igreja Adventista da Promessa pregue o evangelho, no poder do Espírito Santo, a muitas nações.”

 

Novos planos para a África

Ao final da entrevista, Pr. Adelmilson destacou uma novidade para as missões estrangeiras promessistas: a abertura de um seminário na África. Agradeceu a Deus e pediu oração por esses projetos.

Pr. Adelmilson: “Eu gostaria de dizer ao povo promessista que o nosso desejo é que o Seminário não fique só aqui. Nós estamos orando a Deus, interagindo com as lideranças de nossa denominação para que, em breve, em pelo menos dois anos, nós consigamos abrir um seminário na África. Nós precisamos avançar naquele lado do mundo com a pregação do evangelho.

Então, fica aqui, o meu pedido de oração para que o povo promessista coloque diante de Deus não só o Seminário de Cosmópolis, mas também a abertura de um seminário além-mar, na África. Para que alcancemos milhões e milhões de pessoas, no outro lado do mundo. Os seminários serão bênção para o avanço da igreja.

Deixo minha palavra de gratidão ao povo promessista e peço que ore a Deus, para que a Igreja Adventista da Promessa cumpra seu papel neste tempo tão difícil e desafiador, em que Deus nos dá a oportunidade de fazer grandes coisas para a sua glória.”

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x