Sexta-feira da paixão?

A sexta-feira da paixão, dentro da chamada semana santa, é uma data utilizada para se lembrar e celebrar a crucificação de Jesus em favor dos pecadores. Esta celebração acontece numa sexta-feira porque, grande parte dos evangélicos crê que Jesus morreu numa sexta-feira. Não vemos problemas de celebrarmos a Deus pela morte de Jesus. Aliás, os cristãos possuem uma celebração em que fazem questão de trazer a memória o evento da cruz: a ceia do Senhor. Contudo, neste texto, temos por objetivo refletir: Jesus morreu mesmo numa sexta e ressuscitou num domingo? De maneira objetiva, nossa resposta é não. Vamos ao que a Bíblia diz.

 

Jesus foi crucificado no dia 14 de abibe, numa quarta-feira, e ressuscitado no dia 17 de abibe, no sábado, momentos antes do pôr-do-sol. Agora, veremos as razões por que chegamos a essa conclusão. É muito claro, pela leitura dos evangelhos, que Jesus foi traído e preso na mesma noite em que ceou com seus discípulos. Sobre essa noite, o Evangelho de João diz: Ora, antes da festa da páscoa, sabendo Jesus que era chegada a sua hora de passar deste mundo para o Pai … (13:1).

 

Em outra versão, lemos: Faltava somente um dia para a Festa da Páscoa (NTLH). Nessa noite, Jesus foi traído, preso e julgado pelo Sinédrio (cf. Mt 26:47-75; Mc 14:43-72; Lc 22:47-71; Jo 18:1-27), e, ao amanhecer, levado diante de Pilatos para também ser julgado (cf. Mc 15:1-15; Lc 23:1-25; Jo 18:28-19:16). Na manhã desse mesmo dia, por volta da hora terceira (nove da manhã), ele foi crucificado (cf. Mt 27:32-56; Mc 15:21-41; Lc 23:33-49).

 

De acordo com João 19:14, esse era o dia da preparação da Páscoa. Tal informação é importantíssima. O dia chamado de “preparação da Páscoa” era o dia em que os cordeiros eram levados até o templo para serem mortos, a fim de serem comidos à noite. A páscoa era a primeira festa do calendário judaico. Era celebrada todo ano, dia catorze do primeiro mês [abibe] ao entardecer (Lv 23:5). E era exatamente neste dia que os cordeiros eram mortos. Então, se Jesus morreu no dia em que os cordeiros eram sacrificados, morreu no dia 14 de abibe, por ocasião da celebração da Páscoa.

 

Segundo acreditamos, nesse ano, 14 de abibe caiu em uma quarta-feira. Isto é totalmente coerente a Bíblia. Você já entenderá o porquê. Nesse dia, houve trevas sobre toda a terra, desde a hora sexta até a hora nona (Mt 26:45). Jesus entregou o seu espírito por volta da hora nona – três da tarde (Mt 27:46-50). Horas depois, no cair da tarde desse mesmo dia, 14 de abibe, foi sepultado, conforme dizem os evangelhos (cf. Mt 27:57-60; Mc 15:42-46). Então, guarde esta informação: Jesus foi sepultado pouco antes do pôr-do-sol do dia 14 de abibe, uma quarta-feira. A nossa pergunta agora é: Quanto tempo ele permaneceu no sepulcro? Deixemos que ele mesmo responda.

 

No evangelho de Mateus, temos uma declaração bastante enfática de Jesus: assim como Jonas esteve três dias e três noites no ventre do grande peixe, assim o Filho do Homem estará três dias e três noites no coração da terra (Mt 12:40 – grifo nosso). O “coração da terra” é uma referência à sepultura. Jesus deixou bem claro que ficaria três dias e três noites ali. Ele foi específico. O texto de Jonas, que trata sobre a experiência do profeta, também é específico: … e esteve Jonas três dias e três noites no ventre do peixe (Jn 1:17). Sendo assim, levando em conta que ele foi sepultado antes do pôr-do-sol do dia 14 de abibe, deveria ressuscitar, também, antes do pôr-do-sol do dia 17 de abibe, em cumprimento de sua palavra. E assim foi.

 

Cristo esteve morto três dias e três noites inteiras. No final do sábado, quando as mulheres foram ao sepulcro de Jesus, ele já havia ressuscitado (Mt 28:1,6; Mc 16:1-2; Lc 24:1; Jo 20:1). Agora grave isto: os textos estão tratando do momento da ida delas ao sepulcro e não do dia da ressurreição. Nenhum texto afirma que ele ressuscitou no domingo. Cremos que Jesus ressuscitou antes do pôr-do-sol do dia anterior a este que estava começando. Que dia é o anterior ao domingo? Sábado! Jesus ressuscitou no sábado, momentos antes do pôr-do-sol. Para ter ficado três dias e três noites no coração da terra, temos de concordar que ele foi colocado no túmulo em uma quarta-feira, momentos antes do pôr-do-sol.¹ 14 de abibe caiu em uma quarta-feira, e 17, num sábado. A sexta-feira da paixão deveria ser quarta-feira da paixão.

 

Numa quarta-feira, no monte caveira, Jesus foi crucificado e morreu por nós. Por meio de sua morte, hoje podemos ter vida! Por meio de sua morte, nossa dividida diante de Deus pode ser perdoada. O sangue dele fez propiciação pelos nossos pecados (Rm 3:25). Por isso, não deixe de agradecê-lo, todos os dias de sua vida, por aquilo que Ele fez na cruz! Fomos salvos graciosamente por conta do episódio da paixão. Que tal agradecê-lo por tão grande amor no dia hoje também?

 

Eleilton William é pastor e mestre em teologia, além de ser o vice-presidente geral da Convenção Geral das Igrejas Adventista da Promessa e Diretor da Editora Promessa.

¹(1ª Noite: De quarta para quinta. 1º Dia: Quinta. 2ª Noite: De quinta para sexta. 2º Dia: Sexta. 3ª Noite: De sexta para sábado. 3º Dia: Sábado).

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x