Skip to content

Dicas da Lição 03: Quando a adoração é falsa

Torne sua aula mais produtiva na Escola Bíblica, confira as seguintes dicas: três dinâmicas e dois recursos de ensinos, que ajudam na explicação. 

Dica um – Dinâmica “sermão fora do templo”

Para iniciar sua aula, você pode chamar seus alunos para porta da sua sala ou do templo (se puder faça uma ação com todos os professores), e ler Jeremias 7:1-7. No texto, o profeta questiona a ida dos judeus ao lugar de culto, sem contudo, viverem a fé no dia a dia. 

Após a leitura, explique que foi assim que Jeremias começou o chamado “sermão do Templo”, que abrange os capítulos 7 ao 10, cujo ensino central é mostrar a importância da obediência e contra a religiosidade. 

(Após, volte a sala ou a parte interna do templo com seus alunos). 

 

Dica dois – Dinâmica da máscara

A lição vai questionar a adoração de Judá, já que no contexto em estudo, eles praticavam a idolatria no dia a dia, mas quando iam ao Templo, pensavam que isso eliminava seu pecado, o que não era uma verdade. Para elucidar essa questão da falsa adoração, aplique a seguinte dinâmica: 

Como fazer?: Escolha dois alunos (um homem e uma mulher); peça que vistam roupas novas, de preferência social, estejam bem vestidos; lhes providencie máscaras feias; após colocarem, diga para entrarem e sentarem em duas cadeiras, olhando para turma. 

Para entender: Mostre que, embora as pessoas estejam arrumadas, bem vestidas, Deus sabe a sua verdadeira identidade, o verdadeiro rosto; ele sabe se estamos com belas roupas, mas nossa adoração é falsa; ao final, diga que tirem as máscaras e faça refletirem: Deus nos quer completos em sua presença, sem a “máscara da desobediência”, mas com o rosto descoberto, no Templo em que seu povo se reúne ou no dia a dia da vida. 

Dicas três – Recursos de ensino: fones de ouvido e caixa de remédio

Os itens  1 e 2 tratam do povo não se atentar à Palavra do Senhor e não perceber-se doentes espiritualmente. Portanto, para ajudar na explicação dos dois pontos, use no item 1 “Os ouvidos tapados”, um fone de ouvido. Diga antecipadamente, que um dos alunos ponha os fones, enquanto você começa a explicar este ponto. Aí explique: embora presentes nos cultos no Templo, os judeus naquela época de Jeremias, não ouviam as palavras de Deus; assim, deve-se ter disposição e vontade para ouvir o que é dito pelo Senhor.

O segundo item “A ferida é incurável” mostra a necessidade de se viver a Palavra de Deus, de mudar de atitude, mas não era o que povo fez, por isso o problema não era tratado. Para ajudar na explicação deste item, leve uma caixa de remédio lacrada ou fechada e pergunte: adianta ter um remédio em casa, e quando se precisa dele, não tomá-lo? A resposta é óbvia, assim como obedecer, deveria ser para quem tem fé. 

 

Dicas quatro – Dinâmica “Bíblia aberta”

A lição fala de amuleto (que o Templo virou) e de ídolos, diante disso, você pode fazer seu ensinamento ser bem prático: abra uma Bíblia no Salmo 91 e passe de mão e mão; pergunte a todos, em qual texto estava aberta; após as respostas, aplique: na casa de muitas pessoas, a Bíblia está aberta neste Salmo, porém, se não se confiar e obedecer no Deus da Escritura, de nada adianta essa atitude. Portanto, como diz os itens “assumindo compromissos”, deve-se obedecer ao Senhor. 

Confira a área com materiais das Lições Bíblicas: Esperança em Tempos Difíceis

 

Por: Editora Promessa.